Reza a lenda: Matrioska

Smirnoff-Black-Matrioska-Invaders1

*** O conjunto de lindas bonequinhas chamado Matryoska ou Mamushka, feito de uma madeira parecida com o pinho ( ou de outros materiais ), são compostos de 3 á 8 bonecas que não possuem membros, o que permite o encaixe perfeito de uma dentro da outra. Tudo é pintado no próprio corpo, numa infinidade de variações de temas e cores. Elas são mostradas em trajes típicos da Rússia, e podem também serem adaptadas para diversos outros personagens.
Antigamente se presenteava com essas bonecas às mulheres como incentivo à maternidade e à fertilidade. E também simbolizarem saúde, beleza e sorte para quem as recebe. Além de decorar as bonecas também são utilizadas como simbolo do   folclore e  ainda hoje atraí  a atenção daqueles que criam lendas e contos infantis através de sua representatividade
.***

Reza  a lenda que  um certo  carpinteiro russo   ganhava a vida talhando belos objetos de madeira: instrumentos musicais, brinquedos e etc. Certa  vez  enfrentava o frio do bosque para buscar madeira e assim construir novos objetos, e encontrou o campo todo coberto de uma grossa camada  de neve. À noite fria havia sido difícil. Ele rezou. Toda a madeira que ele encontrava no caminho estava úmida e só lhe servia para fazer fogo e tentar aplacar o inverno rigoroso.

  Abatido pelo cansaço, ele decidiu retornar à sua casa e tentar a sorte no dia seguinte. Quando ele estava dando meia volta, lhe chamou a atenção um tronco de madeira esplêndido, o mais belo que ele havia visto em sua vida. Rápido como um raio ele retornou ao seu estúdio, porém vários dias se passaram até ele decidir o que talhar. Finalmente, decidiu fazer uma preciosa boneca.

matrioska__by_anere

    Era tão bonita, que decidiu não vendê-la para lhe fazer companhia. “Você se chamara Matrioskadisse ele à inerte figura. Cada manhã, ao levantar-se ele falava com sua companheira. “Bom dia, Matrioska” . Um dia, ela lhe respondeu  dizendo seu nome : “Bom dia Serguei”. O carpinteiro se surpreendeu, porém ao invés  sentir medo se sentiu feliz por ter alguém com quem conversar.

matrioskas_2211_630x

Com o tempo, o carpinteiro percebeu que Matrioska estava triste e lhe perguntou o que estava acontecendo. Ela lhe respondeu que via que todo mundo tinha um filho ou filha e ela desejava ter um. “Terei que te abrir e isso será doloroso” – respondeu Serguei.  E ela disse: “Na vida, as coisas importantes requerem um pequeno sacrifício”. E sem pensar  duas vezes ele talhou uma réplica, menor e lhe chamou de Trioska. Ela já não se sentia mais sozinha.

Matrioska_foto

    O instinto maternal se apoderou também de Trioska e Serguei concordou que está também teria um filho, se chamaria Oska. Mas Oska também queria um decendente. O carpinteiro contou que dessa vez a madeira poderia originar uma boneca má. Oska não desistiu. Após pensar, ele talhou um boneco, bem pequeno e com bigode e lhe batizou de Ka. E o colocou em frente ao espelho e disse: “Você é um homem, não pode ter filhos!

    Então colocou Ka dentro de Oska. A Oska dentro da Trioska e a Trioska dentro da Matrioska. Um dia, misteriosamente, Matrioska desapareceu com toda sua família dentro  e o carpinteiro  ficou desolado.


 

Origem

  Mesmo sendo um dos grandes símbolos da cultura russa, as matrioskas se originaram no Japão. E não se sabe ao certo de que maneira chegaram a Rússia, se durante uma exposição de artes japonesas e eram uma representação divina de Fukurokuju, ou se vieram de Moscou como um brinquedo em forma de Fukurum e algum dono de uma loja as adaptou para a cultura russa ( figuras femininas vestidas com trajes tradicionais campesinos ) . Um dos nomes mais comuns das meninas russas  camponesas da época ( final do século XIX )  era “Matriona” e justamente para adaptação das bonecas à cultura do país , lhe batizaram de “Matrioska“. 
No entanto como a lenda acima, se encontra histórias sobre estas bonecas na literatura russa, e as mesmas são  conhecidas no mundo  todo como BONECAS RUSSAS.

shichifukujin-todos-bonecos
Jogo de bonecos de origem japonesa que representa ”Schichi-fuku-jin” Os Sete Deuses da Fortuna .

Na Sérvia, a versão feminina é designada como  babuchka, que significa “avozinha”, enquanto a versão masculina é designada como dyeduchka, “avozinho”.Conta-se que Sergei Maliutin, um pintor artesanal de Abramtsevo, viu uma série de bonecos de madeira representando os Shichi-fuku-jin, os Sete Deuses da Fortuna, encaixados de forma semelhante às bonecas atuais.

083901fc6ca885c930091b20547b7fa1

Russian nesting dolls
Matrioskas 

Artistas modernos estão criando novos estilos de Matryoshkas com animais, retratos e caricatura de políticos famosos, músicos e estrelas de cinema :

*** Em alguns lugares as bonecas são feitas sem a boca, para que não façam pedidos e sim escutem os desejos de seus donos. Ao atenderem o desejo, uma boca deve ser desenhada nela. ***

Em 1913 o entalhador Nikolai Bulytchev bateu um recorde original confeccionando uma matrioshka com 48 peças. E no ano de 2001 foi aberto o Museu da Matrioska em Moscou, o único no mundo que dá a conhecer e difunde a história das bonecas.

Simbologia das matrioskas

As bonecas transportam a ideia intrínseca de maternidade e fertilidade, uma vez que são um símbolo da terra russa. O fato das bonecas mais pequenas saírem do interior das maiores simboliza o ato de uma mãe dar à luz uma filha, e a filha dar à luz outra filha ( como na lenda ), e assim sucessivamente.

fc8aeb75d80c8959f56401644659aaf9

Além disso também sugerem riqueza e vida eterna, e sempre transmitiram uma mensagem simples e duradoura de amor e amizade.

Ver também: Matrioskas na pele/Tatuagens

8 comentários sobre “Reza a lenda: Matrioska

  1. Eu sempre achei um encanto essa(s) bonequinha(s) até que comprei.
    Interessante seu post, interessante o folclore em torno da Matrioska.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.