Paulo

large (2)

Meu primeiro luto de verdade aconteceu no dia 31 de Dezembro de 2015.

Eu já  havia perdido  minha prima pra um câncer terrível, minha avó também em 2015…

Mas de verdade a maior dor de haver perdido alguém, foi essa.

Eu o conheci quando era uma adolescente descabeçada, ele foi meu pastor, meu grande amigo, conselheiro, intercessor.

Grande parte de quem sou ( minhas melhores partes ) devo a ele.

Com muitos dos meus familiares não partilhei tanto de mim, e por mais cruel  que seja confessar isso por essa razão soube lhe dar melhor com a ausência dos que partiram.

Mas não sei lidar com a falta que ele faz. 

E ele se foi…

Na véspera de Natal um AVC, ficou internado e partiu dia 31.

Eu sinto sua hoje, sinto sua falta todos os dias passando em frente a igreja achando que ele irá sair de lá e me dar um abraço, como fazia sempre que me via.

Sinto falta de saber que ele estará orando por mim.

Eu sinto a falta dele, e isso dói.

Mas eu sei onde ele está, sei pra onde vai as pessoas boas de verdade.

E agente não perde algo que sabe onde está né?

Eu só queria ter dito o quanto o amava, o quanto é importante pra mim.

Eu só queria mais um abraço.

Eu ainda queria ele aqui!

 

tumblr_static_tumblr_static_edqs4n4w0g84404scc484wo4o_640

Agente se vê de novo Paulo.

5 thoughts on “Paulo

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.